payday loans

<<< Voltar

  29 de Setembro > 30 de Setembro > 1 de Outubro > 2 de Outubro > 3 de Outubro > 4 de Outubro > 5 de Outubro >

Exposições à Noite (abertas até à meia-noite)

Terreiro do Paço e Cordoaria Nacional
2 de Outubro > | 10:00

CORPO.ESTADO, MEDICINA E SOCIEDADE NO TEMPO DA I REPÚBLICA. É o título escolhido para uma exposição que pretende dar conta da história da medicina em Portugal nas décadas da consolidação do poder e do prestígio dos médicos, bem como das relações entre este saber, o poder político e os diversos grupos sociais. É a história de um saber e de um poder que não recusou a sua vocação social.

VIAJAR.VIAJANTES E TURISTAS À DESCOBERTA DE PORTGUAL NO TEMPO DA I REPÚBLICA. O ano de 1911 representa um momento fundamental na emergência do turismo organizado em Portugal. Nesse ano, em Maio, Lisboa recebeu o IV Congresso Internacional de Turismo e o governo provisório da República criou as primeiras estruturas oficiais – a Repartição de Turismo e o Conselho de Turismo. Viajar por prazer, para conhecer outros lugares e costumes, como distracção ou forma de repouso tinha-se tornado um desejo acessível a mais pessoas.

Período de exibição

23 de Julho a 31 de Dezembro de 2010

De 29 de Setembro a 5 de Outubro: 10h00 - 24h00 | Restantes dias: 10h00 - 18h00

http://corpo.centenariorepublica.pt

http://viajar.centenariorepublica.pt

>> entrada livre


VIVA A REPÚBLICA!1910-2010. A exposição Viva a República! propõe uma leitura de um dos ciclos políticos mais marcantes da história de Portugal no século XX. O advento da República foi o momento decisivo de viragem de um Estado arcaico e dependente e o início do processo de transição do regime oligárquico para uma democracia de massas que só veio a florescer, definitivamente, em 25 de Abril de 1974.

Período de exibição

12 de Junho a Dezembro de 2010

Dias 1 a 4 de Outubro: 10h00 - 24h00, 5 de Outubro: 10h00 - 16h00 | Restantes dias: 10h00 - 18h00

http://vivarepublica.centenariorepublica.pt

>> entrada livre



Lisboa da Revolução - Visita guiada com o Prof. Doutor Fernando Rosas

Partida: Miradouro do Alto do Parque Eduardo VII
2 de Outubro > | 10:30

Neste percurso destacam-se locais emblemáticos da Lisboa Revolucionária, recordando alguns dos principais momentos dos confrontos armados que conduziram à implantação da República de 5 de Outubro de 1910. A visita integra percursos de autocarro e pedonais.

 

Hora de início: 10h30
Duração estimada: 1h30 (percurso a pé e de autocarro)

 

Percurso

-Ponto de encontro: Alto do Parque Eduardo VII (miradouro)

-Largo do Rato (chafariz do Palácio Palmela)

-Jardim de S. Pedro de Alcântara e deslocação a pé até ao Largo do Carmo

-Largo do Município (deslocação a pé até ao Terreiro do Paço)

-Quartel dos Marinheiros em Alcântara (fim da visita guiada)

 

Inscrições

Fundação INATEL em www.inatel.pt

 

Organizado pela Fundação INATEL com o apoio da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República.

 

id_34_inatel

 

 



Autocarro do Centenário (famílias e público em geral)

Partida: Praça do Município
2 de Outubro > | 11:00

Visita guiada por técnicos da CML, num autocarro da CARRIS, pelos locais emblemáticos da cidade de Lisboa relacionados com a Revolução do 5 de Outubro de 1910 e a Implantação da I República em Portugal.

 

O percurso tem início nos Paços do Concelho seguindo Terreiro do Paço, Estação do Rossio (Rua 1.º de Dezembro), Praça Marquês de Pombal, Quartel de Campolide (Rua da Artilharia Um), Quartel de Campo de Ourique (Rua da Infantaria 16, 30), Quartel do Corpo de Marinheiros de Alcântara (Rua do Sacramento, a Alcântara) e Cordoaria Nacional (Rua da Junqueira).

 

O itinerário histórico envolve ainda uma visita às principais exposições do programa oficial do Centenário da República em Lisboa.

 

Período de funcionamento

1 a 31 de Outubro

terças e quintas-feiras, às 11h e às 15h: escolas do ensino secundário e idosos;

sábados e domingos, às 11h e às 15h: famílias e público geral.

 

>> Inscrições abertas a partir do dia 23 de Setembro para a Hemeroteca Municipal de Lisboa – Serviço de Actividades Culturais e Educativas (T: 213 246 290)

 

Uma iniciativa da Câmara Municipal de Lisboa e Carris com o apoio da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República.



O Balão da República | Voos cativos

Terreiro do Paço
2 de Outubro > | 14:00

Passeio inaugural em voo cativo no Balão da República.

 

Nos voos cativos, o balão fica preso ao solo por cabos com 30 metros de comprimento. A entrada dos passageiros para o cesto é feita pelas duas aberturas em duas faces que servem de degraus facilitando assim a entrada mesmo para quem tenha maiores dificuldades físicas.

 

>> A partir do dia 2 de Outubro todos são convidados a experimentar estes voos nos seguintes locais e horários:

 

2 de Outubro | Terreiro do Paço | a partir das 14h

3 de Outubro | Terreiro do Paço | a partir das 14h

4 de Outubro | Alameda D. Afonso Henriques | a partir das 19h00

5 de Outubro | Terreiro do Paço | a partir das 14h00

 

Nota: os voos estarão dependentes das condições metereológicos



Música Nas Praças (até às 23h00)

Ruínas do Carmo, Largo do Carmo, Pateo Siza Vieira, Rossio
2 de Outubro > | 15:00

Um mapa sonoro, em parceria com a Metropolitana, desenvolvido no coração de Lisboa e na zona emblemática do Chiado, com Orquestras de Música Clássica, Música de Câmara, Grupos Vocais e Bandas Filarmónicas.

 

Largo de São Carlos

15h00 Pequenos Violinos da Metropolitana

17h00 Percussões da Metropolitana

19h00 Septeto do Hot Clube de Portugal

21h30 Orquestra Metropolitana de Lisboa

 

Páteo Siza Vieira

15h00 Quarteto de Clarinetes com Percussão

16h30 Gonçalo Pescada (Acordeão)

18h00 Quarteto com Piano de Moscovo

 

Ruínas do Carmo

16h00 Jovens Vozes de Lisboa

17h30 Coro de Câmara Lisboa Cantat

19h00 Coro Infantil da Universidade de Lisboa

 

Largo Estação do Rossio

16h00 Banda da Sociedade Filarmónica União Seixalense

17h30 Banda da Sociedade Filarmónica 1º de Dezembro

19h00 Banda da Sociedade Filarmónica Palmelense (Loureiros)

 

Uma iniciativa da Câmara Municipal de Lisboa/EGEAC



Autocarro do Centenário (famílias e público em geral)

Partida: Praça do Município
2 de Outubro > | 15:00

Visita guiada por técnicos da CML, num autocarro da CARRIS, pelos locais emblemáticos da cidade de Lisboa relacionados com a Revolução do 5 de Outubro de 1910 e a Implantação da I República em Portugal.


O percurso tem início nos Paços do Concelho seguindo Terreiro do Paço, Estação do Rossio (Rua 1.º de Dezembro), Praça Marquês de Pombal, Quartel de Campolide (Rua da Artilharia Um), Quartel de Campo de Ourique (Rua da Infantaria 16, 30), Quartel do Corpo de Marinheiros de Alcântara (Rua do Sacramento, a Alcântara) e Cordoaria Nacional (Rua da Junqueira).


O itinerário histórico envolve ainda uma visita às principais exposições do programa oficial do Centenário da República em Lisboa.

 

Período de funcionamento

1 a 31 de Outubro
terças e quintas-feiras, às 11h e às 15h: escolas do ensino secundário e idosos;
sábados e domingos, às 11h e às 15h: famílias e público geral.

 

>> Inscrições abertas a partir do dia 23 de Setembro para a Hemeroteca Municipal de Lisboa – Serviço de Actividades Culturais e Educativas (T: 213 246 290)

 

Uma iniciativa da Câmara Municipal de Lisboa e Carris, com o apoio da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República.

 



Inauguração da Exposição: Percursos, Conquistas e Derrotas das Mulheres na I República

Biblioteca Museu República Resistência - Espaço Cidade Universitária
2 de Outubro > | 16:00

A República foi preparada e concretizada com a participação activa de centenas de mulheres e foi vivenciada por mais de três milhões de portuguesas.
Perfilhassem ou não os ideais republicanos, elas sustentaram causas, encabeçaram iniciativas, romperam barreiras. Tomassem maior ou menor consciência dos direitos alcançados ou das Reivindicações goradas, elas produziram, alimentaram, cuidaram. Enfim, os seus percursos marcaram as trajectórias do país. Esta exposição, ela própria um lugar de memória, não podia deixar de ser selectiva, criando outros efeitos de luz e de sombra.
Ao sublinhar o papel das mulheres espera-se contribuir para ressignificar o conhecimento sobre o período republicano.
Teresa Pinto

 

Dar visibilidade à multiplicidade de expressões, percursos e experiências femininas no período da 1ª. República é reconstituir os elos de um legado histórico inspirador para os combates a travar no presente, porque as conquistas e direitos adquiridos não estão garantidos para sempre. Valorizar o património da nossa memória colectiva é fortalecer a res publica e a cidadania.
Natividade Monteiro

 

Período de exibição

De 2 Outubro a 15 Dezembro 2010

3ª a 6ªf das 10h00 às 20h00

Sáb. e 2ªf das 13h00 às 20h00

última 4ªf do mês: 14h00 às 20h00

>>Entrada livre

 

Mais informações

Biblioteca Museu República Resistência - Espaço Cidade Universitária

Rua Alberto Sousa, nº 10A - Zona B do Rêgo

T 217 802 760

e-mail: bib.republica@cm-lisboa.pt

 

Entidades promotoras
Faces de Eva. Centro de Estudos sobre a Mulher – Socinova – Universidade Nova de Lisboa
Câmara Municipal de Lisboa
Grupo de Trabalho para as Comemorações Municipais do Centenário da República
Biblioteca Museu República e Resistência



Concerto pela Banda da Armada

Praça do Império - Belém
2 de Outubro > | 17:00
Frente ao Museu de Marinha.


Inauguração da Exposição: Leal da Câmara - Caricaturista da República

Hemeroteca Municipal de Lisboa
2 de Outubro > | 18:00

Projecto em torno da obra gráfica de Leal da Câmara, um dos principais caricaturistas da I República, a partir da colecção da Hemeroteca Municipal, com destaque para a sua colaboração em jornais e revistas da época.

 

Local: Hemeroteca Municipal

>> Entrada Livre.  

 

Uma iniciativa da Câmara Municipal de Lisboa.  



Incrível Tasca Móvel – A Tasca das Tascas celebra a República

Rossio
2 de Outubro > | 21:00

Gerada na margem sul do Tejo, em 2005, p’lo desejo de Pablo e Miranda dos OqueStrada, esta jóia de luz é composta por estruturas metálicas que se debruçam sobre o espaço suportando lustres e gambiarras numa dança de classes.

 

Obra única de ferro e iluminação onde a luz delimita a fronteira público e privado, desbrava caminhos entre a tradição e a inovação, entre arte e copos de três, entre o fado e o circo, entre épocas...

 

Período de exibição

de 1 a 3 de Outubro às 21h00

 

>> O espectáculo é de graça e ao ar livre mas é necessário levantar uma senha frente à Ginginha do Rossio (Largo de S.Domingos)

das 18h às 20h (o limite é de 300 pessoas por dia).



Espectáculo multimédia

Terreiro do Paço
2 de Outubro > | 21:30

A Frente Tejo vai realizar pela primeira vez em Portugal um espectáculo multimédia, com animação e efeitos 3D, projectado em toda a fachada do arco da Rua Augusta no Terreiro do Paço.


De 01 a 05 de Outubro de 2010, duas vezes por noite (às 21.30h e 23.50h) com excepção do dia 05 (apenas uma projecção às 22.00h) vai ser possível viajar no tempo: assistir ao terramoto e ao maremoto que arrasaram Lisboa, participar na sua reconstrução ao lado do Marquês de Pombal, conviver com figuras da política e da cultura que marcaram a História de Portugal.


A monumentalidade da fachada que serve de «tela» e a espectacularidade da projecção permitem dar aos cidadãos um sentimento de partilha.
Aliás o título do filme é «Praça dos Cidadãos».

 

Este espectáculo promovido pela Frente Tejo insere-se nas comemorações do Centenário da República, ao abrigo do protocolo de parceria com  a Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República.

 

Uma iniciativa da Frente Tejo S.A. com o apoio da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República.



Extensions by Siteground Web Hosting