payday loans

<<< Voltar

  29 de Setembro > 30 de Setembro > 1 de Outubro > 2 de Outubro > 3 de Outubro > 4 de Outubro > 5 de Outubro >

Exposições à Noite (abertas até à meia-noite)

Terreiro do Paço
30 de Setembro > | 10:00

 

CORPO.ESTADO, MEDICINA E SOCIEDADE NO TEMPO DA I REPÚBLICA. É o título escolhido para uma exposição que pretende dar conta da história da medicina em Portugal nas décadas da consolidação do poder e do prestígio dos médicos, bem como das relações entre este saber, o poder político e os diversos grupos sociais. É a história de um saber e de um poder que não recusou a sua vocação social.

VIAJAR.VIAJANTES E TURISTAS À DESCOBERTA DE PORTGUAL NO TEMPO DA I REPÚBLICA. O ano de 1911 representa um momento fundamental na emergência do turismo organizado em Portugal. Nesse ano, em Maio, Lisboa recebeu o IV Congresso Internacional de Turismo e o governo provisório da República criou as primeiras estruturas oficiais – a Repartição de Turismo e o Conselho de Turismo. Viajar por prazer, para conhecer outros lugares e costumes, como distracção ou forma de repouso tinha-se tornado um desejo acessível a mais pessoas.

Período de exibição

23 de Julho a 31 de Dezembro de 2010

De 29 de Setembro a 5 de Outubro: 10h00 - 24h00 | Restantes dias: 10h00 - 18h00

http://corpo.centenariorepublica.pt

http://viajar.centenariorepublica.pt

>> entrada livre



Inauguração da Exposição: Os Autores e a República

Sociedade Portuguesa de Autores, Sala Carlos Paredes
30 de Setembro > | 18:00

Exposição subordinada ao tema do Centenário da República, coordenada pelo Dr. António Valdemar e organizada pelo cenógrafo Fernando Filipe.

 

Período de exibição

Outubro a Dezembro 2010

 

Mais informações em http://www.spautores.pt



Inauguração da Exposição: O Tempo da República

Museu da Presidência da República
30 de Setembro > | 21:00

Quando o jovem tenente Mendes Cabeçadas consultou o seu relógio de bolso, a bordo do cruzeiro Adamastor, talvez já suspeitasse que ele marcava a hora zero da República. Na madrugada do dia 4 de Outubro os navios fundeados no Tejo disparavam os canhões contra o Palácio das Necessidades. Estava dado o sinal para o início da Revolução.

 

Decorreram cem anos –  guerras, crises e protestos, convulsões sociais, revoluções e contra-revoluções; uma ditadura e a instauração da democracia; a emergência dos movimentos populares, sindicais e cívicos; descobertas e inovações tecnológicas que mudaram, com uma velocidades inaudita, a sociedade portuguesa; na arte,  na literatura, na arquitectura, na ciência, no desporto, notabilizaram-se centenas de nomes que fizeram a diferença.

 

Nesta exposição evocam-se  os acontecimentos e os protagonistas desta história. Objectos, documentos, textos e imagens, ilustrativos da vida social, política, económica e cultural portuguesa, nos últimos cem anos, conduzem o visitante numa viagem pelo Tempo da República.

 

Mais informações em: http://www.museu.presidencia.pt/



Inauguração da Exposição: República e Propaganda

Museu da Presidência da República
30 de Setembro > | 21:00

A implantação da República fez-se, em grande medida, pela propaganda. Conciliando objectos, imagens e registos audiovisuais, esta exposição dá a conhecer o contexto político e ideológico que se vivia em Portugal antes da revolução, os acontecimentos dos dias 4 e 5 de Outubro de 1910 e os dispositivos de propaganda ao serviço de monárquicos e republicanos. Uma série de curiosos objectos e documentos originais, muitos dos quais pouco conhecidos ou mesmo inéditos, dão conta do clima ideológico do tempo em que se implantou e consolidou a República Portuguesa.

 

Imprensa escrita, fotografias, postais, cerâmica, opúsculos e objectos do quotidiano, provenientes de colecções particulares e arquivos públicos, definem um percurso desde a visita do Presidente da República francesa a Portugal, em 1905 - momento de grande importância para o movimento republicano português -, até à afirmação do novo regime, ao longo da década de 1910, através da exaltação e difusão dos seus símbolos.

 

Período de exibição:

30 de Setembro a 12 Dezembro 2010

Mais informações em: http://www.museu.presidencia.pt/



Inauguração da Exposição: Encontro de Estados

Museu da Presidência da República
30 de Setembro > | 21:00

Nesta exposição, que evoca as relações entre Portugal e outros Estados soberanos, desde a implantação da República até à actualidade, o Museu da Presidência da República dá a conhecer ao público parte da sua colecção, permitindo a reconstituição de alguns acontecimentos relevantes, no plano internacional, que marcaram as diferentes magistraturas presidenciais.

 

Informações em: http://www.museu.presidencia.pt/



White Body | O Corpo Branco, de Ea Sola

Culturgest, Grande Auditório
30 de Setembro > | 21:30

“A natureza do homem é verdadeiramente ser livre e desejar sê-lo, contudo o seu carácter é tal que ele segue instintivamente as tendências que a sua educação lhe dita.”

Étienne de la Boétie

 

Atravessando países confucionistas convertidos à economia global, pensei em La Boétie, que tinha lançado as sementes da modernidade – não tinha visto em nenhum outro lugar um pensamento seguido colectivamente até este ponto. Este francês, este europeu, este Corpo Branco que propôs a desobediência, a recusa, o não fazer, inventando a ideia da não-violência para fugir à servidão voluntária, que pensou a liberdade que há em cada pessoa. Na minha estadia vi um indivíduo, exausto todo o ano, desprotegido, sem lazer, trabalhando sem parar. Este corpo de trabalho que, apesar de tudo, parece feliz ao caminhar pela cidade brilhantemente iluminada. A seu lado, uma criança que satisfaz os seus desejos com roupas novas e pompas e que parece também feliz. Este corpo de indústria, qual grito encurralado, que vê no divertimento um sentido de vida, a quem pertence? Quem o empurra, quem o conduz? Sob que domínio existe?

Ea Sola

 

29 de Setembro, 4ªf, 21h30

30 de Setembro, 5ªf, 21h30 

>> Mais informações em www.culturgest.pt



Extensions by Siteground Web Hosting